24.5.10

“Poema do amigo aprendiz”.



Quero ser o teu amigo. Nem demais e nem de menos.
Nem tão longe e nem tão perto.
Na medida mais precisa que eu puder.
Mas amar-te sem medida e ficar na tua vida,
Da maneira mais discreta que eu souber.
Sem tirar-te a liberdade, sem jamais te sufocar.
Sem forçar tua vontade.
Sem falar, quando for hora de calar.
E sem calar, quando for hora de falar.
Nem ausente, nem presente por demais.
Simplesmente, calmamente, ser-te paz.
É bonito ser amigo, mas confesso é tão difícil aprender!
E por isso eu te suplico paciência.
Vou encher este teu rosto de lembranças,
Dá-me tempo, de acertar nossas distâncias...

"Fernando Pessoa"

2.5.10

A vida é uma treta…

Sinto que tudo me escapa! A tua vida já não faz parte em nada da minha! O que tínhamos em comum há muito se foi! Vejo partes pequenas a escaparem-me pelas mãos! Não consigo assimilar! Mas deixo-me estar inerte, nada posso fazer contra isto! Não percebo porque ainda te deixas mostrar se não queres nada comigo!

Não percebes que sempre que me dizes "Olá!" acendes a esperança em mim de te voltar a ter!! Sofro desalmadamente e não me importo já, que se apercebam! Estou destroçada e nada consigo fazer contra isso!

Para mim neste momento a vida é uma treta! Não consigo viver num engano! Mas também parece que não consigo viver sem ti! E apesar de hoje te ter visto sorrir, doeu-me por esse sorriso não ser para mim! Enfim, será que vai demorar o dia em que deixarei de sofrer por ti?!


Té******** (hoje não há lugar para beijinhos)

Dia da Mãe


Hoje que é o dia da MÃE!
Passei só para deixar um Beijão à minha Mãe e a todas as mães do mundo!!
Amo-te Mãe! :)
Jinhos******Té

1.5.10

Susto!





Tenho saudades tuas!! Muitas, muitas! tenho saudades dos teus carinhos! Hoje apercebi-me que já não há muitos homens como tu, que sabem tratar de uma mulher!


Tentei de tudo para te esquecer e daí arranjei outro ombro, falhanço total! O "novo" ombro saiu-me furado! Nunca vi alguém se revelar assim! Tamanha brutalidade, tive medo! Quem manda meter-me com quem não devo! Não se passou nada de mais porque me recusei e ele acabou por acatar, mas senti-me abusada de corpo e alma!


Nunca tive medo contigo amor! Sempre foste cavalheiro e gentil!


A minha vontade foi ligar-te a correr e pedir para que me socorresses e acariciasses com as tuas mãos de que tanto gosto para me acalmar, mas chorei, chorei, chorei muito de raiva por ter pensado que ele era boa pessoa, chorei por não seres tu que estavas ali comigo, chorei de nojo por ter deixado sequer que ele me tocasse! E chorei de Saudades tuas! Mais uma vez chorei de saudades!


Agora sei que não vai ser com outro homem que te vou esquecer! Tão cedo não me meto noutra! Serviu para o susto! Talvez seja mesmo só com o tempo!


Pelo contrário serviu este episódio para aclarar a minha mente e posso hoje dizer, que ainda te Amo mais! Mas como te disse! "Não forço ninguém a estar comigo."


E vou continuar a chorar nos dias menos bons, no silêncio do meu quarto, com saudades de ti, de nós, da nossa curta vida, que tanto me trouxe de novo e único! O Amor que jamais senti por alguém!

Jinhos da Té *******